terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Crazy & Saints - Oscar Wilde


I choose my friends not by their skin or other archetype, but by the pupil.
They have to have questioning shine and unsettled tone.
I'm not interested in the good spirits or the ones with bad habits.
I'll stick with the ones that are made of me being crazy and blessed.
From them, I don't want an answer, I want to be reviewed.
I want them to bring me doubts and fears and to tolerate the worst of me.
But that only being crazy.
I want saints, so they daunt doubt differences and ask for forgiveness for injustices.
I choose my friends for their clean face and their soul exposed.
I don't just want a man or a skirt, I also want his greatest happiness.
A friend that doesn't laugh together doesn't know how to cry together.
All my friends are like that, half foolish, half serious.
I don't want foreseen laughter or cries full of pity.
I want serious friends, those that make reality their fountain of knowledge, but that fight to keep fantasy alive.
I don't want adult or boring friends.
I want half kids and half elderly.
Kids, so they don't forget the value of the wind blowing on their faces and elderly people so they're never in a hurry.
I have friends to know who I am.
Then seeing them as clowns and serious, crazy and saints, young and old, I will never forget that 'normalcy' is a sterile and imbecile illusion.

(Oscar Wilde)

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

... há anjos ...

Quando os anjos são visíveis, até, duvidamos que existem!

A minha história começa há uns meses quando ainda sentados à mesas após o jantar a conversa nunca mais acaba: ouvi-a um amigo a partilhar sobre o trabalho e os relacionamentos na igreja, comentando o cuidado que sentia da parte do Grande Amigo; nesse momento desejei sentir o mesmo cuidado.

Voltei a casa, e até hoje não me esqueci, nem poderia, porque a partir desse dia a minha atenção aumentou.
A partir desse dia eu tenho visto anjos à minha volta. Anjos que são enviados pelo Grande Amigo para me suster e permitir que Ele continue a me sustentar. Anjos que me têm telefonado para confortar e animar.

Quero expressar a minha gratidão ao Grande Amigo e agradecer aos anjos que obedecem e se permitem ser usados para me abençoar. Um dia espero continuar atento e possa eu ser anjo na recuperação de alguém.

sábado, 16 de outubro de 2010

Incrível ...

sinceramente ... não quero ser demasiado legalista ... se é que pode haver mais ou menos ...

na procura de uma alternativa em termos de Software de Projecção e Gestão de Projecção para Igrejas ... encontrei um Fórum curioso!!!

passo a transcrever ...

"...não sei se foi você quem deixou o post no orkut, mas agradeço imensamente, e vou ser frequentador do fórum agora.

obrigado novamente, valeu!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!"

Outro ...

"...obrigado, vai ser de grande ajuda pra minha igreja!"

Estas mensagens foram colocadas por causa de um Keygen (gerador de chaves de registo) .. .disponibilizado por alguém ... sendo que quem está a agradecer irá utilizar o Gerador de chave para não comprar a licença de utilização.


Agora só questiono ... grande ajuda? isto é bênção? ... o irmão está roubando ao irmão ....
há gente trabalhando duro, para conseguir abençoar a comunidade ... e "todo o trabalhador é digno do seu salário" e quem não respeita esta verdade é ladrão ...

Sei que não vai fazer diferença porque sou uma voz somente ...
mas eu que não posso comprar software, uso freeware, para isso ele é grátis, ... Graças a Deus houve alguém que teve possibilidade que colocar o seu trabalho de uma forma gratuíta, é claro que não tem todas as funcionalidades, mas é útil e não se pode exigir mais ...
quem quer mais pague, não roube ...

Para informação:

Software para projecção em Igrejas ...

Grátis:
Easislides
Openlp.org

Pagos:
Easyworship
Pro Presenter
Whoship Him
Mediashout


Não levei em consideração ordens, não os experimentei todos.
Uso o Easislides ... expectáculo ....
Experimentei o Easyworship e o Pro presenter ... muito bom, tanto um como o outro ...

terça-feira, 28 de setembro de 2010

segunda-feira, 12 de julho de 2010

domingo, 11 de julho de 2010

o tamanho da Graça ...

«Toda a luta é uma bênção. Há momentos que sou aprisionado pelas circunstâncias como se uma uma dúzia de locomotivas estivessem passando sobre mim. Mas descobri que as coisas mais difíceis são como névoa diante da graça de Deus»...Smith Wigglesworth, em Fé Inabalável

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Igreja, somos nós!

Numa rápida dissertação: o que é a Igreja?

Tanto se tem falado de Igreja, igrejas ... tantas dúvidas existem à volta das numerosas igrejas ... mas acredito que quanto mais simples a resposta, mais rápida será a nossa percepção acerca do tema.

A palavra Igreja no Grego antigo era usada como Assembleia ou agrupamento de pessoas que se reuniam com determinado propósito. Somente após o início da era cristã é que a palavra Igreja se associa directamente ao religioso.

Sendo que Igreja significa ajuntamento de pessoas, qualquer aglomerado de 2 ou 3 pessoas que se reúnem para tratar de um assunto, e agora relacionado com Deus, são Igreja. Não uma igreja, associação religiosa, como também se usa (menos correctamente), mas Igreja.

Igreja é, portanto, qualquer grupo que se reúne com carácter de falar, promover ou se relacionar no sentido da Comunicação com Deus.

Existem muitas igrejas: Associações religiosas; mas Igreja, no sentido mais objectivo do termo há uma: o conjunto dos que se relacionam e seguem um Deus vivo; e esta não obriga a lugar, quantidade, forma ou organização.

sábado, 26 de junho de 2010

A presença de Deus

´Quanto mais nos aproximamos de Deus através da fé, mais simples ele se torna. E quanto mais simples ele se torna, mais forte é a sua presença.´
...
retirado do facebook de uma amiga.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Cristão imune?

Quanto ao tema dos Problemas, Aflições, Tristezas e Depressões que consomem o ser humano podemos ficar um pouco baralhados quando lemos na Bíblia textos como Salmos 34.

Aqui lemos frases como "
O justo clama, e o Senhor os ouve, e os livra de todas as suas angústias." (v.17) e deixa-nos a pensar que tudo é tão simples ... porque ... O Senhor nos livra de tudo ...

Não podemos, contudo, isolar as palavras que nos agradam e manipular uma parte do texto, preterindo o sentido lato, sem nos fazermos acompanhar de toda uma análise.

Não nos esqueçamos de que noutro Salmo, ainda David, o Rei, afirma que "
Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal algum, porque tu estás comigo; ..."

São, portanto, os Cristão imunes aos problemas? Certamente, não: somos humanos, habitamos numa civilização que é "produtora" de problemas ... o simples relacionamento com a família e com os amigos é propenso a levantar problemas.

Então porque é que existem "promessas" de que seriamos livres das aflições?

Não querendo entrar pelo caminho da origem e sentido das palavras ...
peguemos noutro texto, agora de Jesus que nos diz: "
Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo e leve." (Mateus 11:29,30) e ainda "Por isso vos digo: Não estejais ansiosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer, ou pelo que haveis de beber; nem, quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário?" (Mateus 6:25)

Assim tenho aprendido: Devemos dar atenção ao que temos, devemos agradecer aquilo que conquistámos, e devemos perceber que todo o cristão é um homem sujeito a encruzilhadas, decisões (boas e más) e consequências. Os nossos problemas são nada mais do que o resultado do nosso dia a dia e não a razão do nosso caminhar ou fé. Os nossos olhos devem estar postos na razão da nossa fé e libertar-mo-nos dos sentimentos produzidos pelo observar constante dos problemas, apresentemos os problemas ao Senhor, e Ele nos ouvirá, ... e dar-nos-á livramento.

Saibamos ... observar o que temos, ser agradecidos, e retirar o enfoque daquilo que não temos.